Cereais de inverno é oportunidade para suinocultura e avicultura Cereais de inverno é oportunidade para suinocultura e avicultura
 
13 maio 2021

Cereais de inverno é oportunidade para suinocultura e avicultura no RS e SC

Essa foi a temática da reunião que ocorreu esta manhã na sede da Embrapa Suínos e Aves, em Concórdia/SC, com a presença do Secretário de Agricultura do Estado de Santa Catarina, Altair Silva, o presidente da Federação da Agricultura do Rio Grande do Sul (Farsul), Gedeão Pereira, e o presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Santa Catarina (Faesc), José Zeferino Pedroso. Também estiverem presentes representantes do Sistema Farsul/Senar, que organizaram a visita. Representantes da Associação Brasileira de Proteína Animal – ABPA, Ricardo Santin e Francisco Turra, participaram de maneira on-line, com transmissão ao vivo.

O encontro, seguindo os protocolos de segurança da Covid-19, teve como objetivo principal a discussão sobre a produção de cereais de inverno como alternativa nos estados do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e o papel das instituições nesse inventivo. “O projeto que a Embrapa vem desenvolvendo, nas duas Unidades – Concórdia/SC e Passo Fundo/RR, é uma oportunidade excelente de agregação de renda para o setor produtivo desses estados. É uma libertação de produção de matéria-prima, uma vez que temos um déficit muito grande de milho“, destacou o superintendente do Senar/RS, Eduardo Condorelli, um dos organizadores da visita. “Precisamos estar organizados para enfrentar o desafio, que não é tão grande assim, pois temos área, infraestrutura e tecnologia. Nosso papel é dar voz ao que a Embrapa desenvolve, pois é aqui que encontramos a solução”, enfatizou. Eduardo também anunciou que na próxima semana o Senar/RS inicia uma cooperação com a unidade da Embrapa Trigo na capacitação de técnicos, o que ficou definido durante o encontro em Passo Fundo, na tarde do dia 12.

Na Embrapa Suínos e Aves, o projeto de cereais de inverno vem sendo desenvolvido com o foco na alimentação animal de suínos e aves, como proposta para resolver o déficit e a dependência de matéria-prima, como o milho, de estados do Centro-Oeste. A parceria conta com a Embrapa Trigo, de Passo Fundo, no desenvolvimento das cultivares como trigo, aveia, centeio, cevada e triticale.

Para o secretário de Agricultura do Estado de SC, Altair Silva, a produção de alternativas, como os cereais de inverno, é o que garantirá manter a produção de suínos e aves em alta, além de ser uma renda agregada para o produtor. “O déficit de milho é um desafio que SC tem enfrentado e as alternativas estão aí. Estou animado com esse movimento que o Rio Grande do Sul vem fazendo, de incentivo à produção de alimentos alternativos, e tenho certeza que isso fortalecerá toda a nossa produção no Sul”, destacou.

A chefe geral da Embrapa Suínos e Aves, Janice Zanella, aproveitou o momento para enfatizar o papel da Embrapa. “A nossa missão é a de gerar soluções que a cadeia produtiva precisa. Estamos aqui para atuar em conjunto com o Estado, as cooperativas e os produtores em busca do que o produtor precisa”. Além da apresentação sobre os resultados da pesquisa de cereais de inverno, pela pesquisadora Teresinha Bertol, líder do projeto, o pesquisador Dirceu Talamini abordou a questão econômica do projeto.

Na sequência, a equipe de gestores da Embrapa comentou sobre a organização da pesquisa da Unidade, dos principais desafios de transferência de tecnologia e inovação, além de abordar as oportunidades de parceria com as cooperativas presentes. Encerrada a reunião, os convidados fizeram uma visita às instalações da Unidade.

Fonte: Monalisa Leal Pereira | Embrapa Suínos e Aves




NOVIDADES

 

REVISTA

Revista nutriNews Brasil 2 TRI 2021

ARTIGOS DA REVISTA



 
 





Veja outras revistas



 

Cadastro Newsletter nutriNews Brasil

Tenha acesso a boletins de nossos especialistas e a revista digital.



 

nutriTips
nutriNews Brasil
no Youtube

 
logo

GRUPO DE comunicação agrinews

Política de Privacidade
Política de Cookies