A importância da fibra dietética e seu uso na alimentação de monogástricos

20/12/2019

Evento Mercado

Evonik

A AB Vista realizou no fim do mês de novembro o IFS –Internacional Fibre Summit, em Barcelona. O evento, que durou três dias, teve alta qualidade cientifica, reunindo mais de 100 pesquisadores de todo o mundo, que se dedicaram na tarefa de conhecer melhor a caracterização da fibra e como podemos usar este nutriente de forma mais eficiente pelo animal, independente do tipo/ classe de fibra utilizada nas dietas.

Com um novo conceito determinado Stimbiotic, em português Stimbióticos são um grupo de aditivos nutricionais capazes de estimular a degradação da fibra do alimento no cólon e cecos dos animais, visando a estimulação do microbioma. Daí seu nome STIMBIÓTICO. Esta classe de produto deve promover o aumento da fermentação em doses especialmente formuladas, obtendo o máximo benefício com o menor custo alimentar possível.

Esta é outra diferença dos conceitos tradicionalmente utilizados hoje em dia, pois stimbióticos focam em um desenvolvimento bacteriano capaz de aproveitar o volume de fibra naturalmente presente nas dietas animais, que hoje passa quase despercebido da maioria das estratégias nutricionais para monogástricos. 

O correto uso desta tecnologia deve passar por uma série de avaliações, tais como, caracterização melhor da composição da fibra, avaliação de frações solúveis e insolúveis, escolha das melhores fontes de fibra para cada fase de criação de animais monogástricos, identificação do padrão de substratos das dietas normalmente utilizadas para animais monogástricos, avaliação do desenvolvimento do padrão de microbioma por técnicas de biologia molecular.

Resumindo o evento, temos que conhecer melhor o padrão dos ingredientes que hoje trabalhamos. Estas são ferramentas que a AB Vista tem desenvolvido nos últimos anos e que hoje fazem parte do padrão de serviços para o nosso novo produto SIGNIS”, revela Dr. Alexandre Barbosa de Brito, Gerente Técnico LAM da AB Vista.

“Desta forma, inauguramos um novo cenário para nossos clientes, pois análises muito complexas que eram realizadas em laboratórios fora da América Latina, hoje estão disponíveis em sistemas de avaliação NIR ou mesmo em laboratórios espalhados por todo o nosso continente. Usufruir destas informações em um momento restritivo para práticas antigas (como o uso de promotores de crescimento) é uma vantagem competitiva para todas as empresas que ABVista hoje disponibiliza aos nossos clientes latino-americanos” conclui Alexandre.

Para mais informações, visite as redes sociais da AB Vista Latin América – facebook e LinkedIn.

Assessoria de comunicação AB Vista

Deixe seu comentário